quarta-feira, maio 23, 2018

Os museus da cidade estiveram em festa

Ao longo deste mês, o Museu da Chapelaria e o Museu do Calçado têm estado em festa.

No âmbito das celebrações do Dia Internacional dos Museus e a Noite Europeia dos Museus, este ano dedicados ao tema "Museus hiperconetados. Novas abordagens, novos públicos", o Museu da Chapelaria e o Museu do Calçado propuseram, aos seus públicos, um conjunto de atividades e visitas temáticas que celebram um património comum - a indústria - que foi e, ainda, é edificador de uma comunidade, a de S. João da Madeira.

Colocando em evidência não apenas a importância da conectividade digital como, mais relevantemente, a importância e significado da conectividade social baseada nas nossas comunidades de referência, ao longo deste mês realizaram-se visitas guiadas gratuitas, conversas com antigos chapeleiros e sapateiros, um espetáculo de teatro e, até, uma Louca festa do chá... na companhia da Alice e do seu eterno amigo, o Chapeleiro Maluco.

Aqui ficam alguns destes momentos...

Todos os sábados do mês | Visitas gratuitas



18 maio | Visitas gratuitas com chapeleiros e sapateiros
Colocando em evidência as conexões humanas que alimentam os dois museus da cidade, antigas chapeleiras e sapateiros partilharam, na primeira pessoa, algumas das histórias que marcaram o seu percurso profissional.

 

19 maio | Espetáculo de teatro " O Último Turno"
O Museu da Chapelaria e o Museu do Calçado voltaram a abrir as suas portas para o “O Último Turno”, um espetáculo que, incidindo, no momento em que a indústria da chapelaria e a do calçado se ‘encontram’ e coincidem na história de S. João da Madera, apresentou alguns dos principais acontecimentos sociais, políticos, culturais e económicos vividos nesta terra durante as décadas de 1960 e 1970.

 
   

20 maio | Peddy Paper com Pés e Cabeça
Ao longo de toda a manhã, miudos e graudos formaram cinco equipas que se defrontaram ao longo de vários desafios e quebra-cabeças que as levou a descobrir, de forma lúdica, o Museu da Chapelaria e o Museu do Calçado.







20 maio | Chá das 5, do Chapeleiro Maluco
Ao longo de uma tarde bem preenchida, todos os visitantes do Museu depararam-se com o estranho Chapeleiro Maluco, a sua eterna amiga Alice e uma Louca Festa do Chá das 5... que, afinal, aconteceu mesmo às 4!



Mas as festas ainda não terminaram porque no próximo sábado, dia 26 de maio, continuamos com o programa de visitas guiadas gratuitas. Já se inscreveu?

sábado, maio 19, 2018

venha passar o domingo em S. João da Madeira

No âmbito das Comemorações do Dia Internacional dos Museus, o Museu da Chapelaria e o Museu do Calçado convidam-no a participar em duas actividades gratuitas que decorrerão amanhã, domingo.


10h00 - Peddy Paper com Pés e Cabeça - junte a sua equipa e participe neste intenso e divertido jogo de descoberta dos museus. Pistas verdadeiras e falsas vão levá-lo numa grande viagem ao mundo dos chapéus e dos sapatos!




16h00 - Chá das Cinco com o Chapeleiro Maluco da Alice no País das Maravilhas - o Museu da Chapelaria recebe a mais louca festa do chá, conduzida pelo chapeleiro mais maluco. Está preparado(a)? Tem mesmo a certeza?!?!





Todas as atividades são gratuitas. Reserve o seu domingo para fazer alguma coisa mesmo muito especial!!

Contamos consigo

sexta-feira, maio 18, 2018

Noite Europeia dos Museus celebrada em S. João da Madeira com "Último Turno"

Amanhã, 19 de maio, celebra-se a Noite Europeia dos Museus, por isso, propomos que junte a família e amigos e venha a S. João da Madeira ver "Último Turno"... à saída das fábricas, depois da última máquina parar, há muitos segredos para revelar...
Baseado em factos verídicos e inspirado nos acontecimentos da vida política, económica, cultural e social das décadas de 1960 e 1970 este espectáculo reúne em palco cerca de seis dezenas de actores dos grupos A Bem Dizer, Anim'arte, Artes do Palco, É Bom Viver, Lua Nova, Rostos e Máscaras e TOJ.
Pela primeira vez contamos com a participação especial do saxofonista Alexandre Gomes e do grupo musical Clave.
O espectáculo começa às 22h no Museu da Chapelaria.
Esta noite não fique em casa e junte-se à grande noite dos museus, que começa logo às 20h00 com um jantar temático no restaurante Restaurante Fábrica dos Sentidos (reservas através do +351 256 413 193).
Contamos também consigo!
Precisa de mais razões para passar o sábado connosco?





 




quinta-feira, maio 17, 2018

Histórias de chapeleiros e sapateiros | 18 de maio

Porque há histórias que só podem ser contadas na primeira pessoa, amanhã, Dia Internacional dos Museus, às 11h00 e às 15h00, alguns ex-chapeleiros e ex-sapateiros estarão no Museu da Chapelaria e no Museu do Calçado para partilharem consigo as suas próprias vidas.

Procurando colocar em evidência as conexões humanas que alimentam os dois Museus da cidade, pretendemos com estas visitas especiais dar voz aos que fizeram parte da História industrial da  nossa cidade, dedicando a sua vida ao fabrico de chapéus e sapatos. 

As visitas são gratuitas mas exigem marcação prévia (telefones 256 200 206 ou 256 004 006).
Não perca esta oportunidade única!
Esperamos por si.


quarta-feira, maio 16, 2018

O Dia Internacional dos Museus está a chegar!



O Dia Internacional dos Museus está a chegar e com ele a celebração de um património comum que nos aproxima e edifica como comunidades.

Em 2018, os museus de todo o mundo vão celebrar a ideia de “Hiperconectividade”, um termo criado em 2001 para designar as múltiplas formas de comunicação dos nossos dias, como contacto pessoal (face-to-face), correio electrónico, mensagens instantâneas, telefone ou Internet. 

No nosso mundo hiperconectado é impossível compreender o papel dos museus sem ter em conta todas as conexões que protagonizam e possibilitam, porque os museus são uma parte integrante das suas comunidades, da sua herança cultural e paisagística e do seu ambiente. 

Por isso, e muito para além das conexões tecnológicas, os museus esforçam-se por manter a sua relevância na sociedade, centrando a sua atenção na comunidade local e nos diversos grupos que a constituem. 
Associando-se a esta temática geral, o Museu da Chapelaria e o Museu do Calçado propõe um conjunto de atividades e visitas temáticas que irão colocar em evidência não apenas a importância da conectividade digital como, mais relevantemente, a importância e significado da conectividade social baseada nas nossas comunidades de referência.

Junte-se a esta grande festa e venha celebrar uma parte da sua própria história e identidade cultural. Esperamos por si!
Todas as actividades são gratuitas


PROGRAMA DAS COMEMORAÇÕES




18 DE MAIO | 11H00 E 15H00 | VISITAS GRATUITAS COM CHAPELEIROS E SAPATEIROS | MUSEU DA CHAPELARIA E MUSEU DO CALÇADO

Procurando colocar em evidência as conexões humanas que alimentam os dois Museus da cidade, o Museu da Chapelaria e o Museu do Calçado propõem um conjunto de visitas gratuitas realizadas por antigos chapeleiros e sapateiros da cidade, ao longo das quais serão contadas histórias na primeira pessoa, pela voz daqueles que fizeram parte da História. As visitas são gratuitas mas exigem marcação prévia.


DIA 19 DE MAIO | 19h30 | JANTAR TEMÁTICO | RESTAURANTE “FÁBRICA DOS SENTIDOS” 
No âmbito das comemorações da Noite Europeia dos Museus, o restaurante do Museu da Chapelaria, Fábrica dos Sentidos, proporciona um desconto de 10% a todos os clientes que nessa noite venham jantar com um chapéu posto na cabeça!


DIA 19 DE MAIO | 22h00 | ESPETÁCULO DE TEATRO “O ÚLTIMO TURNO” | MUSEU DA CHAPELARIA
A história do Museu da Chapelaria e do Museu do Calçado é contada através das múltiplas parcerias e projetos que ao longo dos anos foram sendo desenvolvidos com a comunidade local e que permitiram não apenas fortalecer as suas conexões com o território humano que os circunda como, cumulativamente, permitiram enriquecer os modos e formas de interpretar e usar as suas próprias coleções, sejam estas materiais ou imateriais. 
Exemplo disso tem sido o espetáculo “O Último Turno” que há já alguns anos reúne diferentes grupos de teatro, associações e coletividades da cidade na construção de um espetáculo original e único. A cada ano que passa novas temáticas são inseridas e novos contextos são explorados.
Em 2018, o Museu da Chapelaria e do Calçado voltam a abrir as suas portas para o “O Último Turno”. Procurando reunir, num único espetáculo, o momento em que a indústria da chapelaria e a do calçado se ‘encontram’ e coincidem na história da cidade, o “Último Turno” será dedicado aos principais acontecimentos sociais, políticos, culturais, desportivos e económicos de S. João da Madeira nas décadas de 1960 e 1970.
Que cidade era S. João da Madeira há quase sessenta anos atrás? O que movia as suas gentes? O que as preocupava ou deleitava? Quem eram os sanjoanenses de então? Partindo destas perguntas e da investigação histórica produzida por ambos os museus a propósito dessa década, os grupos de teatro e coletividades da cidade vão encenar um conjunto de histórias baseadas em factos verídicos.

GRUPOS CONVIDADOS
A Bem Dizer, Anim'arte, Artes do Palco, É Bom Viver, Lua Nova, Rostos e Máscaras e TOJ 
Com a participação especial do saxofonista, Alexandre Gomes e do grupo musical Clave.


DIA 20 DE MAIO | 10h00 – 12h30 | PEDDY PAPER COM PÉS E CABEÇA | MUSEU DA CHAPELARIA E MUSEU DO CALÇADO
Ao longo da manhã decorre, no Museu da Chapelaria e no Museu do Calçado, um peddy paper que levará os participantes a descobrirem histórias extraordinárias. Pistas, umas verdadeiras e outras falsas, irão conduzir as equipas ao longo de um percurso mágico. Usar os pés e a cabeça é obrigatório. A equipa vencedora (que decifrar todos os mistérios no menor período de tempo) terá várias surpresas à sua espera.
Atividade gratuita. Necessária inscrição prévia


DIA 20 DE MAIO | 16h00 | CHÁ DAS 5, DO CHAPELEIRO MALUCO | MUSEU DA CHAPELARIA

E SE PUDESSE TOMAR CHÁ COM O CHAPELEIRO MALUCO DA ALICE NO PAÍS DAS MARAVILHAS?
O Chapeleiro Maluco, da Alice no País das Maravilhas, é o chapeleiro mais famoso do Mundo. E o seu Chá das 5 é a mais louca Festa do Chá. 
O Museu da Chapelaria vai receber o Chapeleiro Maluco e a sua louca festa do chá. Mas antes do chá, os nossos convidados vão ter que se preparar porque todos eles serão personagens desta louca história de encantar. Evento de carácter imersivo. 
Atividade gratuita. Necessária inscrição prévia porque haverá limite de participantes.






sábado, abril 07, 2018

Masterclass com Harvy Santos | 06 abril 2018

 
         
O Museu da Chapelaria recebeu o designer Harvy Santos, designer filipino com sede em Londres, para desenvolver uma masterclass sobre chapelaria.
Ao longo da manhã o designer Harvy Santos partilhou com todos os participantes as suas inspirações, os seus processos criativos e as diferentes formas de dar vida aos seus belíssimos chapéus e acessórios de cabeça. Reflectir, inspirar-se e trabalhar sobre a incontáveis possibilidades criativas de cada um tornou-se o lema desta sessão.

Harvy Santos é um jovem designer de chapéus que vive, atualmente, em Londres. Nascido nas Filipinas, é influenciado por várias dinâmicas culturais e religiosas, como as fervorosas e tradicionais procissões Marianas, que acabam por ditar a sua forma de ser e de ver o mundo. Mas a alta-costura, a cultura Pop, o Punk Rock ou o universo das Drag Queens, são também elementos inspiradores que Harvy Santos funde com os elementos tradicionais da sua cultura de origem.

A exposição "Harvy Santos. Oito Estações" inaugura dia 8 de abril pelas 16h00 no Museu da Chapelaria.